ACIDENTESNOTICIASNOTÍCIAS MUNDOSem categoria

Avião com magnata é localizado no Congo sem sobreviventes

Os restos do avião desaparecido no sábado pouco depois de deixar o aeroporto de Yaoundé, em Camarões, foram localizados na República do Congo, disse nesta segunda-feira o ministro de Comunicação do país, Issa Bakary, que ressaltou que não há nenhum sobrevivente entre os 11 ocupantes da aeronave.

Segundo o ministro, citado por emissoras de rádio regionais, o aparelho, um Casa C212 da companhia aérea congolesa Aero-Services foi fretado por uma mineradora australiana com interesses na região e tinha partido de Yaoundé com destino à localidade de Yangadou, no noroeste da República do Congo, com nove passageiros e dois tripulantes a bordo.

Segundo as rádios, entre os mortos estão seis australianos, dois franceses, dois britânicos e um americano. Entre os passageiros se encontravam o empresário multimilionário Ken Talbot, diretor não-executivo da mineradora australiana Sundance Resources, junto com o presidente da companhia, Goeff Wedlock; seu diretor-gerente, Don Lewis; o secretário John Carr-Gregg e outros dois diretores não-executivos, John Jones e Craig Oliver.

Poucos minutos após decolar de Yaundé, no sábado, às 9h13 local, os serviços aeroportuários da capital de Camarões perderam contato com a aeronave. As causas aparentes do acidente não foram mencionadas e as autoridades do país pretendem estabelecer uma comissão para investigar a situação.

FONTE: Terra via EFE

Leia mais...

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close