AVIAÇÃO COMERCIALNOTICIASNOTÍCIAS BRASILTECNOLOGIA

A demanda por Wi-Fi a bordo está motivando a fidelidade dos passageiros entre as companhias aéreas na América Latina

Quatro em cinco passageiros seriam mais propensos a fazer nova reserva em uma companhia aérea se Wi-Fi a bordo de alta qualidade fosse oferecido

A disponibilidade Wi-Fi a bordo é um dos principais motivadores da fidelidade e satisfação do cliente entre os atuais passageiros das companhias aéreas na América Latina, de acordo com a maior pesquisa do setor sobre atitudes de passageiros. A quarta Pesquisa Global de Conectividade a Bordo anual é publicada hoje pela Inmarsat (LSE: ISAT.L), líder mundial no fornecimento de comunicações móveis globais por satélite, em associação com a empresa de pesquisa de mercado Populus .

A conectividade Wi-Fi já é uma parte essencial da vida cotidiana em terra, sendo que mais de quatro quintos dos entrevistados da América Latina (83%) acreditam que o serviço é “fundamental” para a vida diária. Uma vez que mais de dois terços dos passageiros latino-americanos (69%) descrevem Wi-Fi a bordo como essencial, atender à demanda por Wi-Fi nos vôos é de suma importância para melhorar a experiência do passageiro e motivar a fidelidade na região.

O Wi-Fi agora é tão importante para os passageiros que quatro em cada cinco (80%) teriam mais chances de fazer nova reserva em uma companhia aérea se Wi-Fi de alta qualidade estivesse disponível. A internet é considerada o terceiro fator mais importante para os passageiros na América Latina ao escolherem uma companhia aérea, ficando atrás apenas da reputação da empresa e da bagagem despachada gratuitamente.

O impacto do Wi-Fi a bordo sobre a fidelidade e a satisfação é particularmente significativo para os grupos de passageiros mais interessados em se manter conectados no ar. Os passageiros latino-americanos tendem a utilizar o Wi-Fi a bordo mais do que quaisquer outros passageiros em todo o mundo; nove em dez passageiros na região (94%) usariam o Wi-Fi a bordo se estivesse disponível em seu próximo voo. Na América Latina, clientes de alto valor, pais e jovens estão entre os passageiros mais propensos a usar os serviços de Wi-Fi a bordo: mais de nove em dez (95%) passageiros em viagem de negócios ou viajando com crianças e usuários entre 18 e 30 anos na região planejam usar o serviço se ele for oferecido no próximo voo.

O Wi-Fi a bordo também poderia resultar em viagens de negócios mais produtivas, visto que mais de oito em dez viajantes de negócios (84%) na região usariam o Wi-Fi a bordo para continuar trabalhando no avião. O acesso ao Wi-Fi também é um fator importante para os passageiros ansiosos, pois que mais da metade (56%) disse que usaria a tecnologia para manter o contato com familiares e amigos no solo.

Para a maioria dos passageiros de companhias aéreas a conectividade on-line é tão importante que eles abririam mão de outras comodidades a bordo para ter acesso à Internet. A Pesquisa de Conectividade A Bordo de 2016 da Inmarsat revelou que mais da metade dos passageiros em todo o mundo (54%) escolheria Wi-Fi em vez de refeição a bordo. Atualmente, os passageiros estão incluindo as bebidas alcoólicas à lista de artigos de bordo que dispensariam para estar on-line, e mais da metade dos passageiros latino-americanos (60%) sugerem que também gostariam de trocar a bebida alcoólica pelo acesso ao Wi-Fi.

O aumento na demanda por Wi-Fi a bordo, correspondeu também ao aumento de utilização, considerando que dois terços (66%) dos passageiros na América Latina que tiveram acesso a Wi-Fi a bordo no ano passado optaram por usar o serviço. No entanto, a demanda por qualidade de Wi-Fi a bordo é significativamente mais alta do que a oferta nas frotas das companhias aéreas da região, uma vez que apenas metade (53%) dos passageiros utilizaram voos onde o serviço foi oferecido.

Raymundo Villar, Vice Presidente regional da Inmarsat Aviation na América disse: “O Wi-Fi é essencial para a vida diária em terra, e os passageiros não veem razão para que seu tempo em voo seja restrito ou gasto de forma diferente. Seja para enviar um e-mail importante de trabalho, entreter as crianças ou até mesmo para fazer contato com outros passageiros, estar on-line está se tornando uma parte essencial da experiência a bordo para os passageiros das companhias aéreas atualmente.”

E continuou: “O desejo de permanecer conectado no ar é especialmente real para os passageiros latino-americanos. A pesquisa deste ano mostra que nove em dez passageiros na região usariam Wi-Fi a bordo se estivesse disponível em seu próximo voo, o que os torna mais propensos a acessar os serviços de banda larga a bordo do que os passageiros de qualquer outra região do mundo.”

Destaques da pesquisa na América Latina

Dos passageiros latino-americanos pesquisados:

  • 94% escolheriam usar Wi-Fi a bordo em seu próximo voo se o serviço estivesse disponível
  • 84% dos passageiros em viagem de negócios tendem a trabalhar em voo para manter a produtividade se houver disponibilidade de Wi-Fi a bordo
  • 80% disseram que é mais provável que fizessem nova reserva em uma companhia aérea se houvesse disponibilidade de Wi-Fi de alta qualidade
  • 74% provavelmente recomendariam o Wi-Fi a bordo se tivessem utilizado o serviço anteriormente
  • 66% dos que tiveram acesso a Wi-Fi a bordo no último ano utilizaram o serviço
  • 60% estariam dispostos a abrir mão da bebida alcoólica a bordo para ter conectividade
  • 56% dos passageiros ansiosos concordam que o Wi-Fi a bordo os manteria mais calmos ao permitir que continuassem em contato com amigos e familiares no solo

A Inmarsat está transformando o setor da aviação global trazendo conectividade plena para toda aeronave e rota de voo no mundo. A Inmarsat é a primeira e única operadora com uma completa rede de satélite de alta capacidade (HTS) abrangendo o mundo todo. A Inmarsat é também a única operadora de banda larga de aviação capaz de conectar a aeronave completa desde a cabine de passageiros até a cabine de comando. Os passageiros podem navegar na internet, transmitir vídeos, verificar mídias sociais e muito mais durante os voos, com uma experiência de conectividade a bordo comparável aos serviços de banda larga móvel disponíveis em terra. As soluções de conectividade segura e de alta velocidade da Inmarsat para a cabine de comando combinam tecnologia de satélite de última geração com conectividade de banda larga IP segura. A Inmarsat é capaz de fornecer incomparável capacidade de dados protegida ao cockpit, resultando em eficiência operacional amplamente aprimorada e maior segurança.

fonte: Jeffrey Group Brasil

Leia mais...

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close